Pular para o conteúdo principal

Postagens

Com licença, poética

A 110a. edição da revista Diversos Afins traz três textos meus. Dois contos curtos, um deles uma fábula breve sobre a nossa vida social nos feeds digitais, e uma crônica rápida, "Formas de resistir". Bem aqui.

Postagens recentes

A poesia e o poema

Para Ricardo Vidal

Eles são como um casal qualquer,
amantes que nem sempre se entendem.
Às vezes, na verdade
parece até mesmo estranho
que um se dê tão bem com o outro,
já que há entre os dois
uma diferença muito embaraçosa:
o poema só quer saber de palavras,
a poesia prefere o silêncio.

Créditos

Humanos nascem e morrem.
A humanidade, quem sabe
qual é ao certo a sua idade?
Sempre houve atores
para os papéis que a história escreve.
Grandes coisas são realizadas
e as pequenas também -
se não for por José,
será por algum João.
Que me importa descobrir
exatamente quem Shakespeare era?
Há quem faça peças,
há quem as assista.
Nenhum deles nos falta
para que a obra genial exista.

Tangerina

Fruta que aos olhos
prefere se guardar,
fruta virgem - justa
ao tato, olfato e paladar.
Fêmea que aos poucos,
se com firmeza e cuidado é despida,
faz-se completa ao desfrute
entre leves gemidos roucos.
Uma fruta assim, tangerina,
para ser muito mais sentida,
sempre com esse gosto inteiro
de um amanhecer com sol.