Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2017

Natureza humana

1

Lampeja a minha noite
Um anjo a piscar o olho insone
Vem chamar-me à janela
Com doce falar de sonhos

Toma-me a mão e me leva
Muros não podem detê-lo
Faz-me um andarilho da lua
Ser como a luz da estrela

2

Já vem chegando a manhã
Logo a cidade desperta
"A noite é uma doce maçã"
O anjo convida a mordê-la

Sinto a manhã derradeira
Insisto com ele por que
O estranho me diz é apenas
A tua natureza humana
.

Serviço de bordo

A cortesia e a exatidão dos comissários de bordo como sistema de segurança: sua atenção aos mínimos detalhes, sua imediata disponibilidade, seu apego à ordem, sua autossuficiência encarnada, tudo parece servir para nos fazer ver que o que não podemos ver está sob controle.

O poder

- não me sinto capaz de ser o suficiente pra você.
- ‎isso é uma suposição, os fatos são outros.
- ‎e por que você acha que eu poderia?
- ‎porque tem podido.


Fábula

dentro da minha casa
dois pardais esquecem
a porta por onde entraram
ela continua aberta

debatem-se agora
contra os vidros da janela
luz clara e falsa da certeza